quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

"Anjo Sedutor"






















Anjo sedutor... Percorro as fases e o caminho da Lua!
Sedenta por teus beijos cá estou com a alma desnuda
Com despudor enigmas feitiços e volúpias pra ser tua!
Ardilosa entontecida, desejosa pela tua boca carnuda.

Teu amor faz sentir-me, como um Colibri na primavera!
Esse amor insubstituível que num ápice derrota a solidão
Divaga sonhos e desejos do meu coração que te espera!
Deambula numa estrada alada, a caminho do teu coração.

Sem ti, sou folha seca rendilhada que o tempo destrói!
Sou gotas d'água na ventania levada pra outro prado,
Visto à esperança de um ladino coração, que só dói!
Sou uma tísica pálida sem cura, sou poema inacabado.

Sou neblina fugidia que arrepia o arrebol com tremera!
Como diáfana sou sátira, efêmera, fênix atrevida e fugaz
Sou mística despudorada, sou Sol que ilumina quimera!
Sou brumas douradas que cintilam nas manhãs auroras.




(OBS IMAGEM DO GOOGLE)

                                                        Maria Machado