terça-feira, 2 de julho de 2013

" Verbo Mudo"


















Metáforas incompletas um verbo mudo
Na alcova um labirinto uma fortaleza
Segredo vazio...Ecoa! Sozinha sem voz!
Grito de dor das entranhas da Natureza.

Em apuro constante, vivem as florestas!
Sobre a mão do homem vil poderosos
Destruindo o verde que ainda lhe resta
Não ouve a floresta e seu lamento penoso.

Calam-se gemidos diurno, e ruídos noturno
Sem resposta, emudece invisível sem fala
A Natureza se revolta, e mostra sua fúria!
As catástrofes em proporção veloz como bala.

Um ser maior que comanda todo universo!
Alinha-se sob...Céu e todo seu firmamento
É passivo e conduz cada ser,cada pó e grão,
Ele é meu Deus...Que ouve todo o lamento.



                                              Maria Machado  (obs:Imagem do Google)